quarta-feira, 20 de maio de 2009

Revista de blogues (20/5/2009)

  1. Há realmente confissões religiosas menos clericais do que outras: «até fiquei surpreendido com as Testemunhas de Jeová, que responderam à possibilidade de distribuição de preservativos nas escolas com indiferença, já que, dizem eles, os seus jovens são educados para a castidade independentemente da conduta alheia. Ou seja, vivem os seus preceitos religiosos sem necessidade de os imporem pela lei civil. E já era tempo de a comunidade muçulmana - tal como a católica - aprenderem a fazer o mesmo.» (Penates Publici).
  2. Mas engraçado mesmo seria uma educação sexual baseada nestes princípios: «“se o teu marido sugere terem relações sexuais, acede humildemente, mas tem sempre em conta que a satisfação dele é mais importante que a tua”; “se o teu marido te pede práticas sexuais que não são comuns, obedece e não te queixes”» (Água Lisa).