terça-feira, 19 de maio de 2009

Europa e paz

A demagógica associação da UE à «paz europeia» pós-1945 (ver aqui e aqui), tem o seu único argumento favorável na inexistência de conflitos entre a Alemanha e a França, dada a regulação entre interesses divergentes instaurada pelo «Mercado Comum». Mas a União Europeia pode ser acusada de ter precipitado o desencadear das guerras jugoslavas com o reconhecimento, sob pressão alemã e vaticana, das independências da Eslovénia e da Croácia. De resto, não têm faltado guerras no mais civilizado dos continentes, da Grécia ao Ulster e à Geórgia...