sexta-feira, 14 de setembro de 2007

Alguém páre este homem

  • «Os registos de tráfego das chamadas telefónicas e das mensagens de e-mail dos portugueses vão em breve passar a ser guardados durante um ano. O ministro da Justiça, Alberto Costa, disse ontem que a proposta de lei já deu entrada na Assembleia da República, devendo ser aprovada “nas próximas semanas”.» (Correio da Manhã, via Argos-Zoom.)
  • «O ministro da Justiça admitiu hoje que a possibilidade dos serviços de informação fazerem escutas telefónicas "é um tema para pôr na agenda de uma próxima revisão constitucional".» (Expresso)
Não gosto deste senhor. Para já, vai saber a quem telefono e a quem envio e-mails. A seguir, quer ouvir o que digo ao telefone e ler a minha correspondência. Nem a Constituição o pára. Quer suprimir o que há de melhor na Europa: a privacidade dos cidadãos. É um tipo perigoso. Alguém faça alguma coisa para o parar.